Logo Grupo EVA

Notícias

Tradição e inovação caracterizam o Bloco EVA
Publicado em 10/01/2014 19:44:07

20.1

 

No final dos anos 70, um grupo de 11 amigos do Colégio Marista (Ademarzinho, André Silveira, Jorginho Sampaio, Ricardo Martins, Jonga Cunha, Maurício Magalhães, Hunfrey Ataíde, Guto Almendra, Eduardo Gil, Pernambuco e Cyro Coelho) comandava um Grêmio, intitulado Eva, e se reunia frequentemente no sítio de Adermazinho, localizado na Estrada Velha do Aeroporto. Após passarem no vestibular, os amigos mantiveram os encontros e a partir daí surgiu a ideia de criar um bloco de carnaval, o EVA, em 11 de Fevereiro de 1980. Logo no início, os amigos e sócios decidiram chamar mais duas pessoas para essa parceria: Lui Muritiba e Waldir, professor de Química, mas os dois ficaram por pouco tempo. Assim, no 1º carnaval, de 1981, o EVA tinha 11 sócios.

O primeiro passo foi marcar uma reunião com Carlos Correa (Gordinho) e Carlos Muller, que fizeram um projeto de som para o Eva. Nesse primeiro ano o bloco já saiu com um trio elétrico próprio, que os idealizadores construíram em Feira de Santana. O trio já tinha caixas de som e voz, e esses já foram grandes diferenciais na época, porque a grande maioria tinha cornetas Selenium, aquelas em formato de cone dos trios antigos, e não tinha voz. Somente os trios do bloco Traz os Montes (banda Scorpius, que mais tarde virou Chiclete com Banana), Dodô & Osmar, Novos Baianos e o EVA tinham esse tipo de caixa em 1981. A percussão ficava embaixo do trio e o Eva tinha apenas duas caixas e um bumbo em cada lateral.

O Eva foi palco de grandes estrelas da música baiana como Jota Morbeck (in memorian), Marcionílio, Ricardo Chaves, Daniela Mercury, Asa de Águia, Ivete Sangalo, Emanuelle Araújo, Saulo Fernandes e desde fevereiro/2013, o Eva é o grande palco de Felipe Pezzoni. Talento foi o que nunca faltou na história do Eva e por isso músicos como Bastola (in memorian), Roney Scot, Tony Mola, Octávio Américo, Nino Moura, Luisinho Assis, Radamés Venâncio, Carlinhos Brown, Luiz Caldas, Paulinho Andrade, Jonga Cunha e Ramiro Mussoto (in memorian) também passaram pelo EVA.

Inovações no Carnaval de Salvador – O 1º Carnaval da Barra foi em 1983, quando os blocos Eva e Camaleão saíram no sábado à tarde com os seus trios elétricos, no sentido Ondina/Barra (ao contrário do que é hoje). Não tinha cordas, mas atrás de cada trio seguiam seis caminhões, nos quais as pessoas de camisetas podiam subir quando queriam. Dez anos depois, quando o Asa de Águia começou a puxar o bloco Eva, o Grupo resolveu mudar a mortalha pelo abada. Inovação do Eva, que foi seguida por todos os outros blocos do carnaval baiano. Para o carnaval de 1998 o Eva lançou a sua primeira beca, modelo mais sofisticado de fantasia, que foi imediatamente aprovado pelo público. Ao longo dos anos o Eva tem procurado aperfeiçoar todos os serviços prestados ao público, principalmente quando se fala em segurança, conforto e comodidade.

O Eva é um dos blocos mais tradicionais do Carnaval de Salvador, afinal de contas, já são 34 anos de experiência, sempre no circuito Osmar (Campo Grande). Quem vai animar o Carnaval do bloco Eva a partir de 2014 é o Eva, agora comandado pelo vocalista Felipe Pezzoni.

Campanha Bloco EVA 2014 – A campanha institucional do Bloco Eva para o Carnaval de 2014 foi desenvolvida pela Morya,  empresa renomada que atua há 57 anos no mercado e faz parte do Grupo ABC, a maior holding de comunicação do País e um dos 20 maiores grupos de marketing e comunicação do mundo. A campanha, que foi lançada oficialmente no sábado, 14 de dezembro, traz como título: “O NOVO EVA DE SEMPRE”, que remete aos 32 anos de história do Eva, marcados pela renovação e revelação de novos talentos, além da trajetória de sucesso de um dos Blocos mais tradicionais do Carnaval de Salvador.  A campanha conta com peças de jornal, outdoor, TV, rádio, ônibus, elevadores e internet. O Bloco EVA desfilará domingo e segunda no Circuito Osmar (Campo Grande/Avenida), trazendo sua nova formação com Felipe Pezzoni a frente da banda.

SERVIÇO:

Carnaval 2014

Bloco Eva – Circuito Campo Grande

Domingo – BLOCO EVA – Concentração: às 14h30 – Valor: R$ 230,00

Domingo – EVA VIP (Carro de Apoio) – R$460,00

Segunda – BLOCO EVA – Concentração: às 13h30 – Valor: R$ 230,00

Segunda – EVA VIP (Carro de Apoio) – R$ 460

Domingo e Segunda BLOCO EVA: R$ 400,00

Domingo e Segunda EVA VIP (Carro de Apoio): R$ 800,00

Terça – PIPOCA DO EVA – Concentração: às 15h
Compre aqui: https://www.digita.com.br/e-carnaval/carrinho.asp?cliente=22&mesa=&hid_cms=&evt=134&cpf=&comissario=

 

OBS: O EVA VIP inclui  serviço  open-bar, que oferece whisky 8 anos, cerveja, refrigerante, água mineral, sanduíches, salgados e banheiros exclusivos;

Share Button

Siga-nos