Logo Grupo EVA

Discografia

Anos 90 |

Ivete Sangalo

Pra Abalar (1994)

Share Button
  • 01 | Flores
    Roberto Moura, Gutemberg, Carlinhos Maracanã, Tica Mahatman
    01 | Flores

    01 | Flores

    (Roberto Moura / Gutemberg / Carlinhos Maracanã / Tica Mahatman)

    Já me feri
    No espinho daquela flor
    Já lhe dei beijos
    Que marcaram nosso amor
    Queria ser Romeu e Julieta
    No passado
    Um sonho épico
    Que eleva o ser amado, meu bem
    Lhe dei amores
    Venci rumores
    Dessa moçada careta
    Que não quer saber de amar, porém (2x)
    Nunca amei ninguém
    Mas você é quem
    Eu que ando criando em meus sonhos
    Castelos de areia
    Nunca amei ninguém
    Mas você é quem
    Me afogava no mar de ilusão
    Sou sua sereia
    Já lhe dei flores, flores, flores
    Que brotaram em meu jardim
    Você brincou de bem me quer
    Mal quer saber de mim

  • 02 | Alô Paixão
    Jorge Xaréu
    02 | Alô Paixão

    02 | Alô Paixão

    (Jorge Xaréu)

    Eu não vou perder você
    Faz parte dessa história
    Revelo o segredo
    Existente na memória
    Vou aqui andando
    Caminhando pela vida
    Quero te encontrar, sonhando
    Sempre em cada esquina
    Vivo a embalar e dançar
    Em plena multidão
    De amor explode a paixão, meu coração
    Não vou deixar
    Vou me revelar pra esse amor, o o
    Não vou deixar
    Vou me revelar pra esse amor, o o
    Alô, paixão
    Alô, doçura
    Doce ilusão
    De um coração

  • 03 | Nega Retada
    Júlio Boa Fé, Toni Golçalves, Raimundo Jorge
    03 | Nega Retada

    03 | Nega Retada

    (Júlio Boa Fé / Toni Golçalves / Raimundo Jorge)

    Cuidado, cumpadre
    Compadre, com a nega
    Tá querendo te pegar
    Tá querendo te agarrar

    Essa nega tem feitiço
    Cuidado com o enguiço que vai te pegar
    Ela trabalha com um santo forte
    Que veio do norte pra te segurar

    A nega é retada
    É boca de zero nove
    A nega é retada
    Não deve nada a ninguém

    A nega é retada
    E joga capoeira
    Dá rabo-de-arraia
    E pega ponga "nin" trem

    Cuidado, cumpadre
    Cumpadre, com a nega
    Tá querendo te pegar
    Tá querendo te agarrar

  • 04 | Pra Abalar
    Tonho Matéria, Gilson Babilônia
    04 | Pra Abalar

    04 | Pra Abalar

    (Tonho Matéria / Gilson Babilônia)

    Toda vez que você se banha em meu suor
    Fico feliz que até perco a cabeça
    Meus olhos sentem prazer e brilham como o sol
    Por isso meu bem não desapareça
    Eu sinto a cor da sua alegria perfumando o meu coração
    No brilho da luz eu visto a fantasia
    Pra cantar contente essa canção
    Agora é pra valer
    Confesso que meu xodó
    Nasceu só pra você
    Agora é pra valer
    Confesso que meu xodó
    Nasceu só pra você
    Pra abalar
    A estrutura do amor
    Pra abalar
    Seja como for

  • 05 | Batismo
    Dalmo Medeiros
    05 | Batismo

    05 | Batismo

    (Dalmo Medeiros)

    Quem for batizar
    Subir no alto da colina
    E ver a santa cruz abençoando o Bonfim
    Seguir a procissão
    A comunhão da vida
    E a luz que nos faz tão feliz

    Vou de bem com a vida
    Nos braços de uma morena
    Carregando água de flor
    Amor
    Traz no ombro um balão de fita e cor

    Pero vaz de caminha caminhou
    Pela beira do mar e não citou
    Se excitou com a índia formosa e batizou

    Ô, ô, ô, ô, ô ô ô ô
    Batismo na Bahia
    Ô, ô, ô, ô, ô ô ô ô
    Oh, tem festa todo dia

  • 06 | Sedução
    Guiguio
    06 | Sedução

    06 | Sedução

    (Guiguio)

    Sedução, paixão, amor e emoção
    Viver sem Ilê faz doer meu coração

    Quanta gente é essa
    Que sobe e desce só pra ver?
    Que beleza é essa?
    É a beleza do Ilê

    Que banda é essa
    Que afaga a união?
    Que bloco é esse
    Que arrasta a multidão

    Se já vai, me leva
    Me leva que sou mais um
    Se já vai, me leva
    Me leva eu pro Curuzu

    Ilê Ayê
    Que coisa mais linda de se ver

  • 07 | No Meio das Estrelas
    Paulinho Andrade, Eduardo Gil
    07 | No Meio das Estrelas

    07 | No Meio das Estrelas

    (Paulinho Andrade / Eduardo Gil)

    Olha,
    Se chora o meu coração
    Eh noite de São João
    Fiquei a noite inteira
    Olhando pro céu
    Pra ver se te encontrava
    No meio das estrelas
    Vai, andorinha, vai
    Cai o seren, cai
    A noite inteira que a fogueira já acendeu
    Eu vou subir nesse balão
    Pra descobrir qual estrela te escondeu
    Ai, ai, moreno, ai, ai
    Me dá um beijo, vai
    Me dá um beijo, vai

  • 08 | Adão
    Paulinho Andrade
    08 | Adão

    08 | Adão

    (Paulinho Andrade)

    Pode viajar, pode viajar, pode viajar que nesse bloco eu vou
    Vem vamos da uma saída
    Dessa maresia de vento sul
    Vamos ancorar a vida
    No bloco mais lindo da zona sul
    Por isso pode entrar
    É no adão que agente esqueci a vida
    E tudo vai me mudar
    Pois esse paraíso eu vou entrar na sua vida
    Na avenida o adão vai arrebentar
    E essa galera linda não para de dançar
    Como é que foi
    Vamos ver depois
    Pode viajar, pode via

  • 09 | Me dá a Mão
    Ivete Sangalo
    09 | Me dá a Mão

    09 | Me dá a Mão

    (Ivete Sangalo)

    Pintou
    Pintou carnaval, pintou
    Eu vou
    Eu já vou me preparar
    Eu vou
    Eu vou me acostumar ao ritmo da batisa
    Ao novo jeito de dançar, eu vou

    Eu vou
    Eu vou me arrebentar na levada da avenida
    Vou correndo te buscar, então vem

    Vem me dê a mão
    Vamos brincar, falar de amor e emoção
    Fazer bater meu coração

    Eu quero é mais
    Brincar, pular, suar
    A noite inteira com você
    Até o dia amanhecer

  • 10 | Abadá
    Eduardo Gil, Durval Lelys
    10 | Abadá

    10 | Abadá

    (Eduardo Gil / Durval Lelys)

    Capoeira me levou
    Carnaval em Salvador
    Vou mudar a minha fantasia

    Tô querendo é te ver
    Só pra estar com você
    Pelas ruas lindas da Bahia

    Na avenida sou o céu
    O seu beijo doce mel
    Na cidade do meu coração
    A poeira vai subir
    E o EVA vai levar
    Toda gente linda do verão

    Eu vou sair de abadá
    Eu vou sair de abadá
    Eu vou sair de abadá
    Meu amor, me leva

  • 11 | Vagabundo Absoluto
    Rudnei Monteiro, Béu Machado, Edmundo Carôso
    11 | Vagabundo Absoluto

    11 | Vagabundo Absoluto

    (Rudnei Monteiro / Béu Machado / Edmundo Carôso)

    Foi na aba da manhã
    Foi na aba da manhã
    Que cismei de mastigar meu hortelã
    Foi na aba da manhã

    Nós dois nunca pisamos
    Do chapéu da poesia
    Aonde eu ia
    Você ia
    E tudo virava dia
    Virava

    Nós nunca gelamos
    No chapéu do não podia
    Boa tarde
    Boa noite
    Como vai é todo dia

    Foi na aba da manhã
    Foi na aba da manhã
    Que cismei de mastigar meu hotelã
    Foi na aba da manhã

    Quando creio no absurdo
    Em geral na contramão da fé
    Folhas caem de outro mundo
    Num retrato exato de mulher
    E ficamos sem saber a razão
    Do princípio
    Desses frutos
    Desses versos grãos


Outros CDs |

Ivete Sangalo

EVA, Você e Eu (1998)

Banda EVA Ao Vivo (1997)

Beleza Rara (1996)

Hora H (1995)

Autêntico (1993)


Siga-nos